quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Veneração ou cegueira desmesurada


É uma tarde chuvosa e fastidiosa, onde o tempo denota não ter nenhuma pressa de passar, embora eu anseie pela sua passagem (de forma célere, preferencialmente); contudo, é como clamar com os olhos para que o relógio acelere seu movimento, ou seja: inútil, o máximo que se pode conseguir é o efeito contrário. Na verdade o tempo age de forma oposta à que almejamos, li em algum lugar que enquanto se é novo, sentimos como se tivéssemos um longo percurso a percorrer, entretanto quando se é velho, parece que andamos tão pouco e já estamos nos acercando do término da vida. (mais uma vez o tempo agindo contra nossos anseios).
Ok, porém o assunto deste post não é o tempo, mas sim formas irracionais de veneração, certo dia, estava assistido a um programa de madrugada, e no mesmo havia uma calorosa discussão acerca de mitigar a maioridade penal, havendo os dois lados da moeda a opinar, e no término do debate, um artista do qual gosto bastante foi inquirido acerca da sua opinião sobre o assunto, o músico respondeu que sinceramente ele não sabia qual era sua opinião, enquanto olhava o programa, acompanhava na comunidade do orkut da banda as opiniões que os fãs deixavam, e a grande maioria achou excelente a resposta dada pelo vocalista, que convenhamos não disse nada, conquanto eu também seja fã, portanto embora sejamos fãs de alguém não devemos concordar com tudo que fala, assim como segui-lo cegamente.

33 comentários:

Ananda Andrade disse...

Ah, bocó, gostei do texto, viu? E gostei do seu comentário no meu blog também. Beijo e te cuida.

Ana Lucia Nicolau disse...

é isso aí, concordo com você.
O grande problema das "pessoas alienadas" é justamente esse, preferem concordar com a opinião (ou falta de opinião) de alguém que se admira a se informar e formar opinião própria.

Ellen Regina - facetasdemim disse...

Bastante sensata a sua opinião. Eu, particularmente, concordo com seu ponto de vista...

Leh disse...

Aff! Concordo ctg! Eu nunca fui fã de ngm! Ele la enchendo o bolso, e nego cego fica seguindo ele, onde ele tiver! ¬¬

acho ridiculo!

http://metobronca.blogspot.com/

00 disse...

Concordo com tua opinião, existem e de uma forma bem elevada pessoas alienadas a mídia e aos seus ídolos e acabam não formando seu próprio ponto de vista. Quem perde com isso é todo um povo!

Ótimo blog o teu, um dia o meu ficará assim tbm, Abraço do blog http://estadocritico.blog.terra.com.br

Daniel Nápoli disse...

Voltei ao blog!
Parabéns pelos seus textos!
Abraço!

Gran Magic Carmesin: Nat Valarini disse...

Pois é, enquanto o povo não parar de seguir uma voz e formular suas próprias idéias os grandes problemas da sociedade não vão acabar nunca.

Admirar é uma coisa, seguir a alguém cegamente já é outra história completamente diferente.

Bjoks!

http://garotapendurada.blogspot.com/

30 e poucos anos. disse...

Eu concordo tbm...ser fâ é uma coisa...viver a vida de outra pessoa é outra !!!

calango azedo disse...

naum gostei do teto nada pessoal

ohshittt disse...

concordo com vc...
as pessoas soh pq gostam de uma coisa tentam imitar as vezes esquecendo ateh de ser elas mesmas e de ter opniões proprias...
isso eh triste e patetico

Bruno R.Ramos disse...

Ótimo ponto de vista. Abre os olhos do leitor e fã inveterado dos nomes celebrados pela mídia. É importante ter uma boa cabça para enxergar isso.

Parabéns!

www.brunoadult.blogspot.com

Tati disse...

Gostar ou admirar alguém não significa que precisamos concordar com tudo. Mas infelizmente muita gente não pensa. E repete as bobagens alheias.

Claudemir disse...

Verdade, concordo com o que você disse, pois hoje em dia é normal as pessoas formarem opinião baseado na de terceiros....isso é muito ruim pois devemos ter a consciência de que nossa opinião é muito importante e que não devemos fechar os olhos e concordar com tudo que acontece em nossa volta.
Muito bom post, parabéns.

"In-utilidades" disse...

Óbvio! Acredito que se sou fã de um determinado artista é por alguma razão especifica, portanto, não quer dizer que serei cega e direi amém pra tudo que ele fizer ou pensar!
Ok?!! Beijossss

Nathy Pöpper disse...

Concordo contigo em alguns aspectos, realmente existem pessoas alienadas ao extremo e realmente a mídia causa estragos nessas pessoas alienadas, mas não acho tão errado, embora eu não faça isso, ter um idolo ou algo assim, assim como qualquer um, eles trabalham e querendo ou não, é um trabalho, diferente, mas é!
Mas não estou dizendo que sua opnião é errada, num certo ponto de vista eu concordo plenamente, só quis mostra o outro lado também, viu?

Beijos!

Rômulo - Xuxo disse...

Concordo com você!!!

Lindo texto!
Bom ponto de vista que tu analisaste...

StéfanO Kut disse...

krak essa parada de fã/artista é um assunto q vire e mexe ta dando...polêmica néh ashauhs....as pessoas estão muito sem personalidades hj em dia..
oiaa abração flws...bom tudo..awe...^^

calango azedo disse...

as vezes eeu vo na dos outros tambem

William disse...

Como diria o meu avô é melhor não ouvir opinião nenhuma do que ouvir apenas uma opinião.

Sabedoria chinesa de um autêntico nordestino.

Homenzinho de Barba Mal feita disse...

Mas é assim que funciona, mesmo você tendo consciência é dififcil você assumir que o seu ídolo é ruim...
Mas uma coisa é você gosta da música, outra é seguir a mesma linha de raciocinío...


http://hdebarbamalfeita.blogspot.com/

Thiago Assis disse...

1. Não lembro a última vez que presenciei uma chuva.
2. Uma pessoa pública não pode ter medo de se expor. E mesmo que não tenha uma posição definida poderia pelo menos ter feito uma análise dos dois lados da moeda.

Thiago Assis,
www.thiagogaru.blogspot.com

disse...

Puro fanatismo.
As pessoas não conseguem ter opinião propria e o 'idolo' tb tem que saber que é um formador de opinião e não pode dar esses moles...

Arthur Santana disse...

q texto fudido d massa!
ti confeço q no começo achei meio idiota pq sou meio cansado com gente q escreve palavra dificil achando q com isso o texto vai ficar bom...mas o teu texto é genial!
mto bom! imprimi e cola na parede!
se todos os posts forem assim... vou virar fã!

--
www.moolegal.wordpress.com

Bia *~* Ballu disse...

Nosa, elogiar uma opinião vazia é foda.
Eu ahco que é natural do ser humano procurar alguém que considerem "perfeito" para seguir...


http://alacarte-domeujeito.blogspot.com

Alexandre Silva disse...

hahahaha, legal. Então quer dizer que se o cara dissesse que era a favor, todo mundo ia falar que a resposta era boa, se ele falasse que era contra, também! Mas como ele não tinha opinião, era sensacional...

Caramba, até onde vai a burrice humana?? Lamentável meu caro...

Ótimo post
Abraço
http://falandoprasparedes.blogspot.com

Walmor disse...

poxa... ótimo seu texto, gostei da reflexão!

O tempo é mesmo um mistério...

Massa disse...

Muito bom o Blog!!!
Texto muito bom!!!
Parabéns.

www.entaofudeu.blogspot.com

HoneyBee disse...

Cara, você é inteligente, escreve bem, o conteúdo é interessante, mas sabe o que me cansa na leitura do seu blog? Você floreia demais a linguagem. Um pouquinho mais de objetividade seria útil, a leitura ficaria mais fluída, mais envolvente.

Sou completamente à favor do português bem escrito, do uso de palavras pouco usuais, mas com cuidado. O excesso é sempre perigoso.

Um abraço.

Diego Rodrigues disse...

O fundamental pra qualquer pessoa é ter uma opiião própria. Isso é um dever de todo o ser humano.

Abração.

Leo Pinheiro disse...

Tanto o seu texto quanto a foto me lembram o filme 'The Wall', de Alan Parker.

Vc já viu? Creio que sim, pois está presente no seu traço!

Todo ralo da num Esgoto disse...

nusss
eu conheço e convivo com pessoas assim...eh como se essa pessoa olhasse pro espelho...e visse akele q ele segue

falta de personalidade!

www.todralodanumesgoto.blogspot.com

Dário Souza disse...

Axo que o que falta hoje em dia é originalidade, os meios de comunicação impoem opiniões e as pessoas as seguem sem en msaber ao certo o que seriam

Fabio Thiago disse...

concordo, se ñ fica naquela de maria vai com as outras!

ñ devemos concordar com certas coisas por companheirismo ou simpatia por uma pessoa um uma instituição devemos agir e pensar de acordo com o nosso eu.